Cuida a Terra: “Dar Espaço à Natureza”

cuidar a terraImage by Comfreak from Pixabay

    “Dar Espaço à Natureza”

Campanha em curso, promovida pelas “Metas Globais” ao serviço da Meta 15: A VIDA NA TERRA.

 A Biodiversidade é essencial para atingirmos as Metas Globais.

  A perda da biodiversidade constitui uma ameaça para as pessoas e para o planeta. Contudo, nós podemos compreender como agir para parar a perda da diversidade.

      • Como podemos criar um futuro em que tanto as pessoas como a natureza possam desenvolver-se?
      • De que é que todas as pessoas necessitam para sobreviver?
      • Como é que distingues entre necessidades e desejos dos seres humanos?
      • Onde é que vamos buscar esses recursos?
      • Quais são as ameaças atuais para o mundo natural?

    2 – Vê este pequeno Vídeo sobre a Biodiversidade

      • Nos últimos 50 anos, 60% de toda a vida selvagem se perdeu.
      • Como é que isto pode ter acontecido?
      • O que é que esta estatística pode significar para o planeta?

        ( 1m 40 do vídeo) Comenta livremente esta citação de David Attenborough:

     “A biodiversidade do nosso planeta fornece todas as coisas de que precisamos gratuitamente. Mas isto só será possível se houver muita diversidade, e neste momento, ela está sob ataque.”

      • Para ti, que comportamentos e atividades humanas estão a  causar o aumento da perda da diversidade?
      •  No final deste vídeo, aprendeste algo que te tenha surpreendido?

Tradução livre do recurso “Make Space for Nature

oferecido por The Global Goals – Sugestões de Escrita – OE

Aprendizagem Sócio-Emocional – 6 “Desenhar o Caminho”

    Sugestão de Escrita para realizar um exercício de “reflexão-emocional” com a ferramentaPlanifica o teu Caminho“.

desenho de um caminho autónomo

 

  Image par PublicDomainPictures de Pixabay 

    Esta ferramenta de coaching educativo visa apoiar os Alunos a determinarem os seus Objetivos pessoais, sociais ou académicos, bem como a esclarecer as etapas do caminho para os atingir.

        1 – Distribuir uma folha A5, de papel cavalinho, para desenho,  uma folha A4 com uma tabela de 2 entradas,  uma folha A4 com exemplos de possíveis Metas Académicas e respetivos possíveis Obstáculos, Recursos e Estratégias.

      2 – Convidar cada Aluno a articular os seus Objetivos Académicos   

      2.1 – Que competências quero exercitar?

      2.2. Que conhecimentos pretendo consolidar?

    3 – Apoiar cada Aluno no reconhecimento de obstáculos possíveis, com base na sua experiência de vida e numa lista de sugestões:

      3.1. Dificuldades internas, próprias  a cada pessoa.

       3.2. Dificuldades externas, próprias a cada contexto.

  4 – Encorajar cada Aluno a escolher, de entre vários recursos e estratégias, aqueles que lhe parecem adequar-se melhor para o traçar do seu “caminho”, rumo aos Objetivos.

   5 – Talvez com uma música suave de fundo, permitir aos Alunos irem delineando, a cores, uma sequência de etapas que se possam representar como o desenho de “um caminho”.

    6 – Este plano de ação pode ser distribuído em momentos-chave a agendar, preenchendo a Tabela de 2 entradas, com as etapas a cumprir ao longo do tempo.

    7 Deixar que cada Aluno redija o seu breve texto reflexivo, que pode incluir os pontos acima sugeridos ou outros que ele próprio deseje acrescentar.

    8. Encorajar a partilha e a publicação dos textos, como atitude livre e voluntária, sempre no respeito pela inviolável privacidade de cada pessoa.

Imagens: Clip Art Creative Commons

     Google Docs – Adaptação da Ferramenta “Desenha o teu Caminho”

Aprendizagem Sócio-Emocional

Sugestões de Escrita – OE

Encontram-se outras variedades de aplicação desta ferramenta de Couching Educativo no livro de Juan Fernando Bou Pèrez “Ferramentas de Coaching Educativo“ – Porto Editora.

Setembro – Escolher-se, Ser a Terra.

Image par gdakaska de Pixabay 

Como nos tornamos uma espécie de Terra?  Talvez escolhendo-nos.

Será que escolhemos como queremos ser, no sentido em que o diz o filósofo francês:

Sartre's quoteOficina de Escrita

Assim, preparar a Terra  significaria também ser cada vez mais “eu próprio”. 

Para este novo Ano Letivo, que cuidados posso dar-me?

      • Como me preparo?
      • A que me obrigo?
      • Que espero de mim?
      • Que confiança ponho na tarefa de tornar-me no que sou? 

No limiar de cada questão, desenha-se a silhueta dos OUTROS. Sou Terra, mas não torrão avulso, baldio.

Pertenço a muitos, sou totalmente entrelaçado.

 Que há na TERRA-NÓS?

Organismos invisíveis, fios de raízes, grãos de solo, gotas de água, bolhas de ar… 

Escolho SERMOS

      • Terra revolvida, (Por que meios?)
      • acrescentada de nutrientes, (Quais?)
      • desimpedida de infestantes, (Como?)
      • porosa à água quanto baste, (Quanto?)
      • aberta em sulcos, (Por Quem?)
      • expectante de sementes. (Quem?)

Com a Agenda 2020 – Sugestões de Escrita – OE

Aprendizagem Sócio-Emocional 4 – A Roda da Vida

Sugestão de Escrita para realizar um exercício de “reflexão-emocional” com a ferramenta ” A Roda da Vida“.

sS6DGentileza de SS6D

1 – Distribuir 1 folha com o Octógono ou o Círculo dividido em oito partes e uma folha com uma lista de valores e temas ou referências de vida.

2. Convidar o aluno a escolher os termos com que pretende dar título a cada uma das secções do Octógono.

3. Pedir a cada um uma definição dos termos que escolheu.

4. Partilhar as definições criadas por cada um com os outros elementos do Grupo para apurar e enriquecer mutuamente as definições. 

5 – Dar um tempo de reflexão para cada Aluno calibrar a sua apreciação de cada Valor ou Tema de Vida que escolheu:

    • Qual a qualidade da sua vivência em cada valor ou Referência de Vida?
    • Em  que medida gostaria de projetar um progresso em alguma ou algumas dessas instâncias que considerou essenciais?
    • Como poderia empenhar-se para alcançá-lo?
    • Como seria mensurável o resultado?

ss6dGentileza da Autora

6. Deixar que cada Aluno redija o seu breve texto reflexivo que pode incluir os pontos acima sugeridos ou outros que ele próprio deseje acrescentar.

7. Talvez com uma música suave de fundo, permitir aos Alunos colorir as 8 divisões do seu Octógono, variando a altura e intensidade das cores até ao nível onde situam a sua vivência atual.

8. Encorajar a partilha e a publicação dos textos, como atitude livre e voluntária, sempre no respeito pela inviolável privacidade de cada pessoa.

Aprendizagem Socio-Emocional

Sugestões de Escrita – OE

Encontram-se outras variedades de aplicação desta ferramenta de Couching Educativo no livro de Juan Fernando Bou Pèrez Ferramentas de Coaching Educativo – Porto Editora.

Inventar o Quotidiano em Isolamento

jovem de costas que enfeita o dia Imagem: Oferecida por CC8B

Podes escolher entre estes TÓPICOS algo que te inspire a escrever; podes inventar os teus próprios tópicos; podes transformar alguns destes. A verdadeira Escrita é feita de escuta e liberdade.

1 – Há quanto tempo começou a tua Quarentena?

2 – Quem são os teus companheiros de vida?

2.1. – Que importância tem a sua presença para ti?

3- Ao fim destas semanas, como te adaptaste ao novo modo de vida?

3.1. – Reaprendeste a nova dimensão do espaço? Sentes-te aprisionado, ou consegues expandir o teu mundo interior dentro da tua casa?

3.2. – Criaste um horário de atividades para manter um ritmo em cada dia? Partilha um pouco sobre ele.

3.3. – Sentes que estás a “aprender a aprender” com os novos métodos do Google Classroom e Google Zoom?

3.4. – Modificaste as tuas estratégias de estudo? Como?

3.5. Que conselhos e sugestões darias aos teus Colegas para “navegar” com mais entusiasmo na fase mais inesperada da Viagem deste ano letivo?

    1. Como tens comunicado com os teus Amigos? (meios tecnológicos, sinais à janela…)

 5 – O que te faz pensar a situação global de um Mundo que, de repente, foi obrigado a sossegar?

    1.  Quem são os heróis deste momento perigoso?
    1. Como podes manter a tua Solidariedade viva e atuante?

 8. Finalmente, tens uma mensagem para deixar a todas as Pessoas a bordo do Planeta?

Com o CAD em Isolamento – OE

Plano De Viagem

mala de viagem

Imagem de Thanks for your Like • donations welcome por Pixabay

I

Plano de Viagem 

  • Tipo de Viagem (solidária; científica; cultural; espiritual; aventura)
  • Finalidade da Viagem
  1. Duração da Viagem? Tempo/Etapas
  2. Para onde?
  3. Rota de Navegação;
  4. Fazer o quê? – Finalidade da Viagem;
  5. Com Quem? Pessoas/Animais/Tripulantes;
  6. O que preciso levar? – Preparação da Viagem.  

II

RETORNO

  • Concretizei aquilo que me propus? Alcancei a minha Finalidade?
  1. O que trouxe desta Aventura?
  2. Que tesouros trouxe, que experiência ganhei?
  3. Como posso partilhar com os outros esta Viagem? – relato oral; escrita, livro, vídeo (animação), expressão plástica…

Prof Paula X. e Prof Paula V. Para o 6º B e 6º C

Implicar-se na Aventura

Setembro 2019

O mar junto ao Guincho

Imagem: Oficina de Escrita

Levar comigo:

  • O que dá sentido;
  • O que me convida a avançar;
  • A certeza ou a incerteza de um destino? Porquê?

Resiliência:

  • Resistir às adversidades;
  • Persistir nos troços difíceis…

Companhia:

  • Posso levar todos? Como?
  • Quem escolho para ir mais perto?

Liberdade:

  • O que me ajuda a ser eu próprio?
  • Posso apresentar-me aos outros como sou?

Beleza:

  • O que traz harmonia a esta jornada?
  • O que é que a torna única?

OE

Como Contribuir para que os Outros Sejam Mais?  – Rumo à Páscoa 2019

 

Photo by Tom Grimbert (@tomgrimbert) on Unsplash

     Estamos a percorrer um tempo que recebeu a sua marca singular ao longo de dois milénios:

        •    É um tempo que flui como algo de incompleto;
        •    Que sobe, como para uma meta;
        •    Que pretende atingir um fim:

A Misteriosa Vida da Páscoa Sempre Nova

Como podemos ajudar os outros  a serem mais eles próprios?

Como participamos na Campanha que a comunidade da Escola inventou para ser mais solidária?

Qual é a Escola-Irmã, que à distância nos acena, e como voltamos para ela o nosso cuidado, este ano?

Como gostaríamos nós de trabalhar a nossa relação com os outros em particular durante esta travessia em caravana, pelo Deserto?

E, finalmente, como nos podemos apoiar a nós próprios, portadores secretos de uma missão desconhecida, nós, Jovens, filhos do Futuro que vamos recriando?

Quaresma 19 – OE

Definir Uma Rota

barco sobre mapa

Pixabay Atribution Pixabay License

O Mundo

2030 – Metas Globais

Nós

O Mapa da Vida

  • Pontos de referência que oferecem à vida uma forma singular.

Como escolhemos?

  • Critérios de escolha: valores que guiam o quotidiano;
  • Aplicação na escola, em casa, com os amigos, projecto de futuro.

O que nos impede…

  • De transformar o mundo à nossa volta?
  • De sermos nós próprios em liberdade?

O que nos apoia?

  • Pessoas;
  • Entidades Coletivas;
  • Recursos Secretos…

OE