O Mistério da Música

     guitarra composição de fantasia

     PixaBay PixaBay License

     A música não se pode dispensar: assim como o D. e o M. tocam piano, viola e guitarra, eu tenho de escutá-los, pois não toco. As melodias harmonizam as nossas emoções e suscitam também sentimentos novos.

      Para mim, a música é a inspiração porque quando for grande quero ser cantor.

     Ser cantor é deixar cantar a alma mais profunda, aquela parte de nós que consegue comunicar com todos os outros.

     A música é outra forma de linguagem, é uma espécie de escrita.

  Pois é. As músicas nas pautas são em escrita.

    Não só. Também há Matemática na música: para compor é preciso supor números que exprimem as relações entre os sons.

Eu gosto de tocar enquanto canto, pois é muito divertido, as músicas são aventuras, transmitem alegria.

     Ser cantor também é muito difícil, mas é super giro: podemos não saber cantar sozinhos, apenas em grupo: a nossa voz vai à boleia na dos outros – é como voar!

     As músicas fazem com que nós voemos, não é cantar que realiza os desejos, são as músicas que escrevemos.

Texto a 3 Mãos

MI5C, DJ5D e OE

Escutar a Família – I

pinhas, azevinho e neve artificial na ponta de um ramo

     LibreShot.com Atribuição CC0

      Escutar a Família é também entrevistar os avós sobre os Natais do seu tempo, quando tinham a nossa idade. De que gostavam mais?

     O que eu gostava mais na minha Família é ver todos muito felizes e muito contentes por aquilo que têm na vida.

     O Natal não é só presentes, também é muito Amor e Carinho. Não é o que receber, é o que dar.

     Damos atenção, mesmo às pessoas com quem estamos todos os dias: celebramos esse milagre de vivermos juntos.

     O Natal, para algumas pessoas, pode ser o único dia em que podemos estar todos juntos em Família, a conversar sobre assuntos que dão muita alegria.

Texto a 3 Mãos: ZG 6B, AV 6A e OE