CAD em Isolamento – A Quarentena Feliz

Foto de Pikist

    Eu estava todos os dias aborrecido em casa até chegar a Ruby.

   Na Escola em tempo normal, os professores dão  mais coisas, para fazer em casa e para estudar. A Escola online não manda imensos trabalhos. Faço exercício físico que os professores mandam.

     Eu acabo sempre cedo, mas às vezes demoro mais tempo.

    Quando não tenho nada para fazer, brinco com o meu irmão de quatro anos.

     Estar na Escola é muito melhor.

    Contato com os amigos, vejo-os nas aulas online.

    Estou a ler o “Príncipe Nabo”. “A Vida Mágica da Sementinha” era muito difícil.

    Só fui duas vezes ao Parque. A primeira vez que fui, pude brincar, mas na segunda vez só dei uma volta de trotinete e voltei para casa. Agora saio de casa só dentro do Condomínio porque a Ruby ainda precisa de levar a segunda vacina.

    A minha Mãe diz que se não tocarmos em nada, só na trotinete, podemos brincar um pouco.

    Quando saímos, a minha Mãe diz que, se não tocarmos em nada, a não ser na trotinete, podemos brincar um pouco.

   Na garagem há um sítio de jogos – por exemplo, matraquilhos –  onde ando de  trotinete com o meu Irmão, mas agora não, porque  arriscamo-nos a apanhar um coronavírus nas rodas. A minha Mãe avisa quando é preciso lavar as mãos.

    Tenho um novo cão de água Português, chamada Ruby. Ela gosta muito de brincar comigo e com o meu irmão. Ainda é bebé. A sua atividade favorita é correr. Atiramos a bola e ela vai a correr buscar.

    Ela fica numa enorme caixa de grades que parece uma prisão, onde come, bebe e dorme.

CAD em Isolamento – Conversas na Oficina – OA5B

O Que Me Faz Voar

   Menino esvoaçando com balões   Image par Silvio Zimmermann de Pixabay 

     O que mais gosto é de jogar futebol, brincar com o meu irmão e fazer aulas de EF.

   O Futebol é um jogo interessante, porque nos divertimos quando fazemos um golo; também podemos correr ao ar livre e corremos em equipa. 
   Eu gosto de brincar com o meu irmão de 4 anos, porue ele é muito engraçado e fala Inglês de uma forma diferente. 
   Jogamos às escondidas e descubro logo onde ele está, mete-se sempre no armário e nos lugares onde eu também me escondo.
 
   As aulas de EF são divertidas, porque jogamos e fazemos desporto. Assim, podemos conviver entre rapazes e raparigas para fazer amigos. 
    Existem ainda muito mais situações e convívios que me fazem voar!
OA5B

Querida Neta

   carta e floresImage par Pezibear de Pixabay

              Olá Querida Neta,

     Sou a tua Avó e estou a escrever-te uma carta ainda com 11 anos. Ainda não sei o teu nome, mas aposto que vai ser um belíssimo nome! Quero aconselhar-te sobre imensas questões, a começar por:

RAPAZES

     Há os rapazes parvos, que não nos ligam nenhuma, e os rapazes amigos, que estão sempre ao nosso lado quando é preciso.

     Há os rapazes que também são ótimos  durante o jantar, mas depois da sobremesa ficam totós.

     E pronto; para além do tema “rapazes”, também temos de lidar com:

IRMÃOS ou IRMÃS

      Os irmãos mais velhos, tu respeitas, mas se for algo injusto, não respeites. Quanto aos mais novos, é igual; não sejas injusta, mas eles têm de te respeitar.

     Os meus irmãos não são assim … Continuando: quando vocês se zangam, não lhes batas. Ignora-os, esse é o segredo. Os teus irmãos só te querem irritar, mas, como não conseguem, calam-se logo!

      É só pensares bem.

       BULLYING

           Há muitos tipos de Bullying: 

        • O Agressivo; 
        • O de gozar – que é de falar e de insultar; 
        • E ainda o Bullying de mandar e de te manipular.

      Em qualquer dos casos, tu tens de falar sempre com alguém.

    Eu só sofri com uma espécie de Bullying: o de tentarem manipular. Livrei-me desse Bullying a mudar de Escola!

     Quando te acontecer alguma coisa, vem falar comigo.

      Sê uma menina feliz!

Beijinhos da

tua Avó

recado para a netaImagem: Cadescrita

MM6D

O Canto de Viver

silhueta em baloiçoImagem de Marta Cuesta por Pixabay

     Causa-me espanto ver como a minha irmã já está tão crescida! Já tem os dentinhos de leite; quando nasceu, começou a morder muito cedo, aos 3 meses já gostava de morder; com um ano, qualquer coisa que via, imagine-se, um autocolante, punha logo à boca. 

     Sinto-me agradecida ao ver como os meus Pais tomam conta de mim, ao saber como me adoram.

     Como gosto muito de cantar, gostaria de  – mesmo que não venha a acontecer – queria cantar para um programa chamado “The Voice – Kids”.

     Eu canto todos os dias: na rua, no supermercado, no meu jardim. Aí tenho uma mesa que ninguém usa, só eu, para fazer os meus desenhos; fico em cima da mesa que é de pedra  – fico ali e finjo que estou a dar um concerto. 

    Sinto-me feliz, agradecida e curiosa sobre o que vai acontecer no Futuro. Podemos estar a pensar numa coisa e encontrar outra; tudo o que é novo é interessante.

Conversa e Escrita na Oficina – LS5B

Família, Amigos e Deus

corujasImage by Oberholster Venita from Pixabay 

    O que mais aprecio no Natal é podemos estar com os nossso pais, amigos, tios, avós, em resumo, com  todos aqueles de quem gostamos neste mundo e com as nossas Famílias!

   Eu gostaria de receber, como presentes, mais livros de suspense, como o “The Canterville Ghost”, um puzzle de Paisagem com 1000 peças, Deus comigo, a minha Família e uma televisão para o meu quarto!

    Participarei em alguma Associação de Solidariedade. Já participei, com a minha tia, o meu primo e a minha Mãe: estivemos a dar sacos recicláveis e reutilizáveis para ajudar numa campanha na qual a minha Mãe participa.

    Se eu enviasse uma mensagem de Natal ao mundo inteiro, seria:    mensagem antonioImagem: oficina de escrita

      As pessoas não devem pensar que o Natal é só para presentes, mas sim para estar com a Família de uma forma diferente.

   Também sentimos que os Amigos são um presente da Vida para nós.

    E Deus? Em que sentido passamos o Natal com Deus? Pois “em todo o sentido”. Supostamente, o Natal é isso!

AB6B

A Harmonia desta Jornada

barco ao poenteImage by Jonny Lindner from Pixabay 

     Hoje eu conheci um colega chamado Rafael e também a Violeta. Na aula de ET eu fiz um trabalho sobre um menino e dei-lhe  o nome de Kiri, que significa “montanha”. 

          Hoje conheci o meu “Stôr”  de Matemática; o que eu gosto no meu Stôr, é que ele é engraçado, divertido, tem bom sentido de humor. O nome do meu Stôr é António Costa.

      Hoje eu tive o meu primeiro teste e foi de Matemática. Tive 55%: a nota foi um pouco baixa, mas pensei pelo lado positivo, porque, com sorte, não tive negativa e soube que, no próximo teste eu tinha que estudar mais.

     Este meu quinto ano está a ser um pouco fácil, mas é que eu estou a partilhar este 5º ano com o meu irmão João.

      O que eu gosto no meu irmão João é que é meu irmão gémeo, mas eu gosto dele, porque está sempre pronto para me ajudar, como eu a ele.

      O que me faz ganhar asas é quando brinco com o meu irmão ou com outras pessoas, mas especialmente com o meu irmão João.

       O que traz harmonia a esta minha jornada e o que a torna única são as aulas de Matemática e os recreios:

      • na aula de Matemática, o meu Stôr tem muito sentido de humor e eu gosto;
      • nos recreios, porque nós precisamos de brincar e eu gosto de brincar; gosto de brincar em especial às escondidas e de jogar matraquilhos.

BB5C

 

Tenho-te a Ti e Tens-me a Mim!

   Image parpixel2013 de Pixabay 

    Querido Irmão, 

 Estou com muitas saudades!

  Eu sempre gostei de ti, das tuas habilidades para jogar e conviver.  Lembro-me quando tu e eu jogávamos Mário Kart e ríamos o tempo todo!

    Tu és o melhor irmão de todos: tens sabedoria, és brincalhão, tratas os outros com igualdade, és sincero.

     Esta Primavera, gostava de ver contigo “Como treinar o seu Dragão – III”. Quando tinhas 10 anos, gostavas de animais, como eu?

     Somos parecidos no coração, pelo desenho e em eu ser tão apaixonado por animais como tu!

      Meu querido irmão, eu sempre me lembro da tua simpatia. Quando fores  velho, eu sempre te irei visitar.

     Desejo-te uma vida saudável, amorosa e que possas criar uma relação feliz com outra pessoa.

    André, eu tenho-te a ti e tu tens-me a mim!

HZ5D