O Canto de Viver

silhueta em baloiçoImagem de Marta Cuesta por Pixabay

     Causa-me espanto ver como a minha irmã já está tão crescida! Já tem os dentinhos de leite; quando nasceu, começou a morder muito cedo, aos 3 meses já gostava de morder; com um ano, qualquer coisa que via, imagine-se, um autocolante, punha logo à boca. 

     Sinto-me agradecida ao ver como os meus Pais tomam conta de mim, ao saber como me adoram.

     Como gosto muito de cantar, gostaria de  – mesmo que não venha a acontecer – queria cantar para um programa chamado “The Voice – Kids”.

     Eu canto todos os dias: na rua, no supermercado, no meu jardim. Aí tenho uma mesa que ninguém usa, só eu, para fazer os meus desenhos; fico em cima da mesa que é de pedra  – fico ali e finjo que estou a dar um concerto. 

    Sinto-me feliz, agradecida e curiosa sobre o que vai acontecer no Futuro. Podemos estar a pensar numa coisa e encontrar outra; tudo o que é novo é interessante.

Conversa e Escrita na Oficina – LS5B

A Família é a Maior Maravilha da Vida

mão aberta segurando bola transparente com família dentro

     PixaBay PixaBay License

     Quando for mais velha, o mais importante para mim vão ser os meus filhos e os meus netos.

      Para quem não sabe, a Família é a maior maravilha da vida.

     Quando eles tiverem idade, o que lhes vou dar é um álbum de fotografias: acho que é importante ver o nosso crescimento com os pais, amigos e primos.

     Temos de nos lembrar sempre dos nossos amigos.

     Quando eu era mais nova, achei que os melhores presentes que eu dava eram aqueles que se compravam.

      Mas no Natal, quando eu dei o presente à Mãe, achei até que a Mãe não ia gostar, mas quando a Mãe o abriu começou a chorar de felicidade: o presente era um “Pote dos Desejos”.

     O “Pote dos Desejos” tem tudo o que eu gosto de fazer com a Mãe.

     Agora vou-vos dizer que não sei quantos netos vou ter, mas espero que tenha, no mínimo, quatro.

     Se me perguntarem os seus nomes, vão ser Sofia, Inês, Francisco e Luís. “Sofia”, porque é o nome da melhor Mãe que já existiu, “Inês” porque é o meu nome preferido, “Francisco”, porque é o nome do melhor irmão do mundo. E “Luís” por ser o melhor Pai do mundo.

      Mas pronto, era só para saberem que a vossa Avó vai adorar-vos. 

LP6C

 

Guigo, um Grande Amigo

ursinho de peluche sentado num banquinho rodeado de relva

      PixaBay PixaBay License

     Eu tenho muitos peluches, mas o meu preferido e um peluche ao qual eu dei o nome de Guigo.  ele é de cor creme, com a barriga acastanhada.

    O Guigo tem as orelhas como dois meios círculos, os olhos redondinhos e o pelo muito macio.

     O peluche foi-me oferecido pelo meu Pai quando eu era bebé. Ele chama-se “Guigo” porque eu chamo ao meu Pai de “Pai-Guigo”; dei esse nome ao peluche para não me esquecer que foi ele que mo deu quando era pequena.

      Quando eu for adulta, eu vou dar o peluche aos meus filhos e espero que eles façam o mesmo.

     O Guigo é o meu melhor amigo, pois posso contar-lhe tudo e eu sei que ele não me vai trair.

BF6A

O Mundo dos Peluches

peluches lendo uma história ilustrada sobre brinquedos animados

   Peluches a Ler . Imagem da Oficina

      Os meus peluches preferidos são três:

  • Choubaka: é castanho, de olhos castanho e muito corajoso.
  • Riscas: é um gato branco com riscas pretas. Tem os olhos azuis.
  • Por fim, o Kikos: um cão muito peludo e fofo, branco, com os olhos verdes. 

      Eu gosto de tê-los no canto do meu beliche, porque me sinto mais confortável. Sem os meus peluches, não sei  o que seria de mim.

     Teria sempre, todos os dias, pesadelos atrás de pesadelos e não  conseguiria dormir, estaria todas as noites acordada e não descansava.

     Quando for adulta, vou dar os meus bebés aos meus filhos, ou, se não tivesse filhos, dava aos meus sobrinhos.  Eu iria ficar muito feliz, porque eu só ia fazer o bem.

     O sentido de haver Peluches é para aconchegar as crianças e para nos sentirmos sem medo durante a noite.

CT5A  

O Melhor Peluche do Mundo

      patinho de peluche amarelo espreitando e sorrindo

   Pixabay PixaBay License

     O meu peluche é o melhor do mundo.

     É amarelo, grande, fofo e muito simpático. Há pessoas que dizem que os peluches são só um brinquedo, mas não, um peluche é um amigo a quem nós podemos  contar tudo e nunca nos vai trair.

      Quando recebi o meu peluche, não lhe liguei muito, mas quando tinha um pesadelo, agarrava-me sempre a ele.

recado ao seu amigo

       Imagem: Oficina de Escrita

O Amante do Oceano Esplendoroso

ondas em rebentaçãoPixaBay PixaBay License

(Dedicado a PC7B)

     À beira de um Oceano esplendoroso é que o sonho se distendia nele, abria-lhe o coração até ao infinito e e mergulhava-o na fonte da Alegria.

     Não lhe faltavam amigos, mesmo sendo pobre e vivendo ao acaso pelas praias.

     Tinham chegado a considerá-lo “o animal mais fofo do mundo” devido à sua aparência ternurenta e um pouco sonhadora, o longo pelo cinzento sempre limpo, pois mergulhava entre as ondas a  cada 5 minutos, na sua paixão impaciente por nadar.

      Colecionava sandes que os turistas partilhavam generosamente, cativados pelo seu jeito meigo de se aproximar. Alimentava-se assim, do acaso, ora de largas folhas de alface, rodelas de tomate entremeadas com bocadinhos de atum, ora deliciava-se com um cachinho de uvas e pão escuroo recheado de chouriço. 

     Durante o dia recolhia pedacinhos de plástico e papéis amarrotados que encontrava na areia e ia levá-los ao Nadador-Salvador que se tinha tornado um grande amigo.

    Ao anoitecer, aninhava-se entre as rochas, embrulhado numa mantinha de retalhos e ficava a trocar piscadelas com as estrelas cintilantes no infinito.

                Com BF6A, CR6A e LP6C – Inspirações para Escrever OE

O Peluche Encantado Que Reviveu

Ursinho de peluche e coraçãoPixaBay PixaBay License

       Era uma vez uma menina que tinha o sonho de ganhar um peluche. Ela viu o Peluche de Toysrus. Ele era brilhante, encantador… Ai, nem sei explicar… era um ursinho com pelo branco, olhos azuis e muito gordinho. Ai, era tão fofinho!

      Ela tinha-o pedido aos pais no Natal e, ainda para mais, o Peluche era maior do que a menina! No dia 24 à meia-noite, com a Família da menina reunida, ela tinha-se sentado no sofá, à espera da sua vez para abrir os presentes.

       Chegou a vez de a menina abrir os presentes. O Pai disse-lhe:

      – Filha, abre o teu presente.

       Ela respondeu:

       – Ah, Pai, isto é tão grande! – Abriu o presente e viu que era o ursinho que tanto queria, e caíram-lhe muitas lágrimas de tanta alegria. Ela só disse “muito obrigado” e só tinha olhado para cima e para baixo, com o espanto: “- Isto é verdade?” 

       No dia seguinte, ela ia passear e não o deixava para lado nenhum que ia.

       Agora que tem onze anos e ainda nunca o deixou, os pais dela a cada dia que passa, ficam ainda mais espantados. E dizem:

     – Como é possível ela ainda não ter deitado fora o ursinho?

CG6B     

O Dia Mais Especial

cavalo branco na floresta

     Pixabay Atribuição CC0

     Já tive muitos dias especiais para mim, mas só um deles me fez muito feliz até hoje. 

      O motivo que o tornou tão especial foi os meus Pais me deixarem montar um cavalo:   esse era o meu sonho desde pequena! 

     Nesse dia estava muito calor, porque era uma bela manhã de verão.

     A minha experiência foi especial, maravilhosa e muito mais…

    Passei o dia com os meus Pais. Não sei muito bem em que data foi… mas essa vivência nunca mais me saiu da minha cabeça nem do meu coração.

     Foi um momento que nunca irei esquecer. Não celebro os anos da Equitação, o dia em que realizei esse sonho.

      Espero que todos  consigam realizar os seus sonhos no Futuro! 

      Se pensarmos muito, conseguimos realizar o nosso sonho, a não ser factos impossíveis, como porcos a voar, mas sim cavalos em liberdade…e realidades maravilhosas.

BL5C

Os Sonhos São Pistas Para O Futuro

Autor: Stock Snap Imagem: Pixabay CC0

     Os sonhos não são propriamente fantásticos, muitos deles parecem impossíveis, nas na verdade são pistas para o futuro.

      De certeza que já se perguntaram o porquê de as pessoas sonharem; não é coincidência, mas sim a vossa consciência a tentar transmitir-vos um facto realista ou irrealista.

      Sonhar é como se fosse uma pista surreal, que um dia pode vir a ser cativada na memória.

     Quando eu era mais nova, sonhava constantemente em voar, e a seguir desses sonhos, comecei a voar nos meus pensamentos como um dente de leão ao som do vento.

      A pista transmitida pelos sonhos é muito enigmática, temos de ser nós a desvendar o porquê de essa pista ter passado à frente dos nossos olhos.

       Muitos dos nossos sonhos são inventados por nós mesmos, no dia anterior, depois de uma história muito relevante para os nossos sentidos ou por uma história inacabada.

      Mas o que nos faz acordar? Os pesadelos. Este fenómeno é como se fosse um trauma para o resto da nossa vida que arranca os sonhos da nossa mente.

     Deve haver uma explicação científica para este acontecimento, mas para mim não há explicação, a não ser a nossa mente a ser dominada.

    Enquanto que há pessoas que fazem com que os pesadelos nos arranquem  os sonhos, há pessoas que continuam sempre a sonhar!

A.Vis