Uma Galinha na Floresta

Image par dovena de Pixabay   e  Image par ilonawinter de Pixabay 

     Era uma vez uma ave. Ela tinha crescido com as outras aves a dizer-lhe:

    – Não vás lá para fora do muro da aldeia.

    Saltou o muro e lá foi ela, ainda com medo de encontrar raposas, lobos ou até pássaros maiores que ela e que a quisessem comer. Afinal ela era só uma pequena galinha que nunca tinha saído para além do muro da aldeia!

     Ela parou um bocado para descansar e percebeu que tinha chegado a uma floresta. Decidiu tentar fazer um ninho ali mesmo. Apanhou uns galhos e passou a noite bem quietinha no seu ninho.

      Acordou com uma voz a cumprimentá-la: 

      – Olá – disse a voz.

      Ela gritou de susto, porque viu que se tratava de um lobo! 

     – Calma, não te vou comer, sou vegetariano!

     – Ok, Ok! – respondeu a galinha, ainda assustada.  – Olha lobo, tu sabes onde é que há legumes fantásticos, com muitas coisas para ver?

      – Eu conheço um lugar maravilhoso; é só tu ires em frente e virares à direita no cogumelo vermelho.   

      – Obrigada, Lobo! Vemo-nos por aí.

     – Adeus, Galinha!

     A galinha foi pela direção que o lobo lhe tinha dito e, quando chegou ao tal lugar, percebeu que era uma árvore muito bonita, com uma porta, e decidiu entrar.

     Quando entrou, estavam lá dentro um lagarto, uma joaninha e uma raposa, a fazer um lanche. 

     – O-olá – gaguejou a galinha, muito assustada.   

    – Calma – exclamou a raposa – não tenhas medo!

     – Calma, Galinha – interrompeu o lobo, que tinha acabado de chegar.  – Esta é a minha amiga Raposa! 

    – Não precisas de ter medo de mim, Galinha – sossegou a raposa. – Senta-te aqui e toma um copo de leite.

     A galinha lanchou e foi para casa.

   – Como é que foi a tua viagem?  – Perguntaram as outras galinhas. 

     – Foi uma viagem e tanto! – respondeu a galinha.

Composição em Teste de Português  – LR5B

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.