A Princesa das 3 Maravilhas

     PixaBay PixaBay License

     Era uma vez um ser imaginário, muito feminino, que voava e só queria ser real. 

     Ela tinha um refúgio secreto dentro de uma nuvem que nunca chovia. Viajava pelo mundo inteiro ao sabor do vento, mas não podia baixar até ao chão da Terra, porque não tinha densidade.

     Conhecia muito bem a linguagem dos pássaros migrantes, como as andorinhas e os gansos selvagens, mas o que lhe interessava acima de tudo era aprender a língua dos humanos.

    Ela pensava: “- Se eu fosse real, eu era como uma Princesa, só gostava de usar acessórios rosa, uma coroa e de viver num castelo. Eu teria uns cabelos loiros compridos e olhos azuis, eu queria ser uma pessoa com muita alegria e muita graça.”

    Nesse castelo, ela plantaria um jardim maravilhoso onde as flores se empurravam para a ver passar. Ela teria aí um banquinho cor de rosa sobre o qual a nuvem amiga viria pairar dando-lhe sombra sem nunca chover.

    Também sonhava em galopar num cavalo branco no bosque do castelo, seguida pelos ventos que antes faziam viajar a sua nuvem.

     No dia do seu aniversário estava muito contente, mas, sem ela saber, houve uma fada que apareceu e disse:   

     – Já ouvi dizer que gostavas de ser uma Princesa. Mas só se fizeres estas três maravilhas:       

      1 – Tens que trazer uma maçã dourada que cresce nas montanhas para curar um menino doente.

      2 – Tens que tirar 3 pétalas de uma flor que só nasce ao pé de uma cascata distante e transmite o dom da Alegria.

     3 – Tens de ouvir as vozes dos ursinhos carinhosos e aprender com eles a falar.

     Depois de muitas tentativas, ela conseguiu fazer tudo. A Fada abriu um portal mágico: ela foi na sua nuvem até ao pé do chão, para ouvir as vozes das pessoas e ver como iria ser na vida da Princesa.

     Passado um tempo, ela transformou-se em Princesa: ela estava como tinha imaginado. Chegou ao castelo e começou a chorar de tanta alegria.

     Entrou num salão e descobriu uma Família muito grande, que não gostava de divertir-se, mas a Princesa pôs o dom da Alegria e ficaram muito contentes. 

Contos de Fantasia – Texto a 2 Mãos CG6B e OE

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.