Em Busca de um Amigo

pássaro azul voandoImage by David Mark from Pixabay 

      Havia um pássaro na Floresta que era diferente de todos outros.

     O pássaro era todo azul, mas de um tom azul-esverdeado; tinha o bico amarelo e direito, as asas do pássaro tinham estrias douradas, as patas eram boas para se agarrar nos ramos, media dois palmos de ponta a ponta das asas.

        O Pássaro gostava muito de passear pela Floresta fazendo círculos por cima das copas das árvores. Ele ia sempre à procura de sementinhas perto das raízes das árvores, ia beber a um lago no centro da Floresta e abrigava-se num buraco de um tronco de um castanheiro jovem, mas também voava durante a noite.

     O Pássaro sentia-se sozinho, sonhava em ter um amigo. Gostava de poder brincar à apanhada no ar, poder conversar no ninho dentro do tronco, a olhar para as estrelas.

      Durante uma tarde de chuva, estava ele a fazer um dos seus passeios, quando viu um pássaro da mesma espécie,, mas com a pata presa num ramo, a esvoaçar e a chilrear muito alto, mas ninguém ouvia por causa da chuva.

      Fez um voo rápido até ao ramo e, com o seu bico amarelo, conseguiu quebrar os ramos fininhos.  Então salvou o outro pássaro que tinha as penas do mesmo tom de azul.

       Ele ficou muito agradecido por ter sido salvo. e perguntou:   

      – Como é que eu posso retribuir?

     O nosso pássaro respondeu: 

     – Podíamos ser amigos e partilhar a vida, o voo, o ninho…TUDO! 

       Então os dois pássaros, cheios de Alegria,  começaram a fazer as atividades a dois e passaram a ser os MELHORES AMIGOS.

CAD em Isolamento – Criação Oral de Texto –  CA8A

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.