CAD em Isolamento – A 1º Guerra Mundial – I

   Improviso Oral do Aluno com base na sua pesquisa pessoal:

O Início da Guerra

ruínas

     Photo par formulaire PxHere

    Tudo começou no ano de 1914, quando o Arquiduque do Império Austro-Húngaro, F. Fernando, fez uma visita de Estado à cidade de Sarajevo (capital da Bósnia Herzgovina) – onde ele e sua mulher foram assassinados por um estudante Sérvio – Gabril Prince.

   Com isso, o Império Austro-Húngaro enviou uma carta de exigências à Sérvia, que recusou. O Imp Austro-Húngaro declarou Guerra à Sérvia.

    O Governo Russo mandou soldados para ajudar na luta contra o IAH, assim, a Alemanha disse à Rússia para não intervirem na Guerra. A Rússia recusou e a Alemanha declarou guerra à Rússia.

     A Alemanha também enviou uma carta à França para declararem a neutralidade.

    A França não respondeu e a Alemanha declarou guerra à França.

biplanoPhoto par formulaire PxHere

  A Alemanha sabia que uma Guerra em duas frentes a probabilidade de perderem era grande, mas eles tinham um plano. Chamava-se o plano Schifeliennr.

  Este plano consistia em: como a Rússia era muito grande, demoraria alguns meses para ficarem prontos para a guerra, por isso, a Alemanha ia com tudo para a França, mas os Alemães sabiam que a França ia proteger bem as suas fronteiras, por isso, decidem passar pela Bélgica, que era um país neutro.

wikimedia.org

   Com a invasão da Bélgica, a Grã-Bretanha declarou guerra à Alemanha, juntando-se assim, à França.

  Pensaram que a Bélgica ia ser facilmente derrotada, mas conseguiram aguentar-se mesmo perdendo as batalhas, como Verdun e La Lys.

   O Império Austro-Húngaro tentou um avanço nos territórios russos, mas o Império Austro-Húngaro não aguentou o inverno Russo. Com isso deixaram a Rússia um mês depois. Tentaram então o avanço em território Sérvio onde conseguiram capturar a cidade de Belgrado. Mas a Sérvia deu-lhes uma chapada na cara e expulsaram-nos uma semana depois. 

(Fim da I Parte)

 CAD em Isolamento – Tertúlia de História de 9º no 5º – Improviso de FM5C

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.